sexta-feira, janeiro 05, 2018

O que é que nos interessa?

 

Ribau Esteves escreve hoje, no Diário de Aveiro, um artigo onde dá a conhecer o seu apoio a Pedro Santana Lopes na «corrida» à presidência do PSD. E eu pergunto: o que é que nos interessa a nós, aveirense, se apoia este ou aquele?




domingo, dezembro 31, 2017

"Aveiro Sempre" completa 12 anos!


2005-2017

O "Aveiro Sempre" completa hoje, 31 de dezembro, o seu décimo segundo ano de existência.
O propósito é o mesmo de sempre e é sobejamente conhecido de todos vós...

Aproveito para vos desejar um feliz ano de 2018!
E que o novo ano seja repleto de boas notícias para Aveiro.

Grande abraço.

Pedro Neves

quarta-feira, dezembro 20, 2017

Já não há desculpa

Ribau já pode baixar o IMI. Ficamos à espera que o faça rapidamente. Ou será que vamos continuar a ser a cidade com o IMI mais elevado do país?

domingo, dezembro 10, 2017

O regresso de Elio

A foto é recente. Vejam quem é o segundo, da direita para a esquerda, em pé! Élio Maia! Ele mesmo! O ex. presidente da Câmara de Aveiro é, esta temporada, o treinador da equipa senior de andebol do Ílhavo AC que milita na terceira divisão nacional.

sábado, dezembro 09, 2017

Como é possível terem honras de primeira página?


Há tempos, alguns milhares de estudantes do Porto vieram até Aveiro fazer toneladas de lixo e vandalizar a cidade. Escumalha, apenas. Pior: terem honras de primeira página no jornal da nossa cidade! Como é possível? No dia seguinte à festa, e quando por volta das oito da manhã me dirigia para o trabalho, passei junto ao Recinto de Feiras e fiquei chocado!

quarta-feira, novembro 22, 2017

Estrada de Eixo



Reconheço que o último mandato de Ribau trouxe um número significativo de ruas/estradas que foram arranjadas no nosso município. Mas ainda há tanto por fazer, meu Deus!

A estrada principal de Eixo, que atravessa a vila e liga Águeda a Aveiro, está num estado lastimoso. Vergonhoso, mesmo! Eu pergunto é como alguém que ali vive, não manifestou o seu descontentamento nas últimas eleições autárquicas! Como é que a população local não penaliza os políticos locais quando é dotada ao abandono total como acontece em Eixo? Só podem não se importar e gostar de viver numa terra em que a sua principal rua é típica de terceiro mundo. Só pode! 

terça-feira, novembro 21, 2017